Canapés de Pringles

Gosto de experimentar combinações de sabores ou, como diz a minhã, gosto de inventar! 🙂
Por vezes as invenções correm menos bem, outras vezes (como foi o caso desta receita) correm muito bem e merecem ser partilhadas.

As batatas Pringles são presença assídua cá em casa, geralmente como acompanhamento para uma carne grelhada mas desta vez resolvi apresentá-las de uma forma um pouco diferente.

Serviram como base para uns deliciosos canapés e foram bastante apreciados.
Super simples de preparar e podem adaptar os toppings ao vosso gosto pessoal.
Uma sugestão diferente e ideal para servir aquelas visitas inesperadas.

E porque o Euro 2016 aproxima-se a passos largos a Pringles propõe uma oferta fantástica – uma taça que se adapta na perfeição ao formato deste icónico snack e que grita “GOLO” e outros sons característicos dos jogos de futebol sempre que alguém se serve. Para mais detalhes visitem www.pringles.com

(*rende 24 canapés)
Ingredientes:

  • 30 batatas Pringles
  • 3 folhas de alface lavada
  • Maionese
  • 125g de mozzarella de búfala
  • 1 lata de filetes de cavala em conserva
  • 12 tomates cereja

Modo de Preparo:

  1. Dispor 24 batas Pringles numa travessa.
  2. Cortar as folhas de alface em juliana e distribuir a alface pelas batatas. Sobre cada batata, por cima da alface, colocar um pouco de maionese a gosto.
  3. Cortar a Mozzarella de búfala em pedaços e distribuir por cima da alface, em todas as batatas.
  4. Em seguida desfiar os filetes de cavala e distribuir por cada um dos canapés. Atenção à quantidade a usar em cada canapé pois a cavala é por norma bastante salgada, e se usada em excesso, irá sobrepor-se a todos os outros sabores do canapé.
  5. Cortar os tamates cereja em rodelas e distribuir pelos canapés.
  6. Para finalizar, esmigalhar 6 batatas e distribuir por cima de todos os canapés.
  7. Servir de imediato para evitar que as batatas amoleçam.

 

 

 

 

 

Advertisements

10 thoughts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.