Chilli Vegetariano

Petiscana_ChilliVegetariano_2

Entrámos em 2019 e com ele veio o regresso ao trabalho (depois de umas mini-férias de fim de ano) e as marmitas!

A quadra festiva que passou é tipicamente  marcada por excessos alimentares, por isso, para desintoxicar optei por fazer uma refeição vegetariana.

Queria algo rápido, para não passar muito tempo na cozinha no meu último dia de férias, por isso fui improvisando e o resultado foi este chilli, meio trapalhão, mas muito saboroso.

Optei por acompanhar com quinoa, que aprecio bastante e ultimamente tem andado mais esquecida.

Fiz em maior quantidade, e assim já tenho almoços até ao final da semana já que é um prato que aguenta perfeitamente no frigorífico 3 a 4 dias.

*rende 4 porções

Ingredientes:

Chilli:

  • 1 lata pequena de milho cozido
  • 1 lata pequena de feijão preto
  • 1 tomate
  • 1 cebola pequena
  • 1 cenoura
  • 1 batata doce média
  • 1 punhado de couve galega finamente cortada
  • 1 alho
  • 250g de tofu fumado
  • sal e pimenta a gosto
  • molho de soja a gosto
  • 200ml de molho de tomate
  • 200ml de água
  • um fio de azeite

Quinoa:

  • 1 chávena de quinoa
  • 2 chávenas de água
  • sal a gosto

Modo de Preparo:

  1. Começar por preparar a quinoa colocando-a num escorredor de rede fina e lavando-a em água corrente, até que a mesma saia limpa. Escorrer e reservar.
  2. Num tacho colocar a água e o sal a gosto e levar ao lume até que a água levante fervura. Depois adicionar a quinoa, mexer bem e deixar cozinhar 10 minutos. Tapar e reservar.
  3. Para o chilli, começar pelo refogado, picando a cebola e o alho finamente e levando a refogar com o azeite até que a cebola fique translúcida.
  4. Juntar a batata e a cenoura cortadas em cubos pequenos e envolver bem, deixando alourar cerca de 5 minutos. Juntar em seguida o tomate picado, o milho, o feijão, a polpa de tomate e a couve e envolver bem.
  5. Por fim adicionar o tofu cortado em cubos e a água, temperar com o molho de soja, sal e pimenta a gosto e deixar cozinhar em lume brando até que parte do líquido evapore.
  6. Servir o chilli quente sobre a quinoa previamente preparada.

Petiscana_ChilliVegetariano_1

Arroz persa com romã

20181125_133103.jpg

A receita deste arroz foi-me sugerida após ter feito um inquérito nos stories do Instagram, onde pedia ideias para usar romãs em receitas
Este ano a nossa romãzeira foi muito generosa e entre doações a amigos e familiares e romãs para consumir ao natural e em sumo (mais as que guardamos religiosamente para consumir no dia de Reis), ainda nos sobraram bastantes, por isso todas as ideias de como as consumir, foram (e são!) bem-vindas 🙂

Há uns dias atrás recebi amigos aqui em casa, e a ementa foi Frango Tandoori que acompanhei com este delicioso arroz. Foi sucesso garantido!
Nunca me ocorreu juntar romãs ao arroz, no entanto é uma combinação vencedora.
E neste arroz em particular, com a mistura de frutos secos, fica divinal.

Acompanha muito bem pratos de carne (especialmente carnes brancas), e até peixes como pescada (filetes no forno ou fritos, por exemplo).

Para além de muito saboroso, tem uma apresentação lindíssima e não podia ser mais simples de preparar!

Deixo-vos com a receita, espero que gostem!

Ingredientes:

  • 1 cebola pequena
  • 1 dente de alho
  • 1 c.sopa de curcuma
  • 3 c.sopa de azeite
  • 1 c.sopa de vinagre
  • 1 chávena de arroz agulha
  • sal e pimenta a gosto
  • 3 chávenas de água
  • 1 romã (só os bagos)
  • 1 chávena de mistura de frutos secos (usei cajus, pinhões, amêndoas e amendoins) torrados (torrei na frigideira até dourar)
  • 1/2 chávena de passas + goji (podem usar apenas passas)
  • 4 damascos secos cortados em pedaços pequenos
  • opcional: momentos antes de servir, salpicar raspa de laranja e um pouco de cebolinho para aromatizar o arroz

Preparo – Modo tradicional:

  1. Descascar a cebola e o alho, e picá-los finamente. Levar a refogar num tacho, com o azeite. Quando a cebola ficar translúcida, juntar o arroz e a curcuma, e deixar cozinhar um pouco até que o bago de arroz ganhe um tom esbranquiçado. Nessa altura juntar o vinagre para refrescar. Adicionar a água, o sal e a pimenta. e deixar cozinhar em lume médio até que a água seja absorvida.
  2. Depois de cozido, e já fora do lume, tapar e deixar repousar 5 minutos, antes de juntar os restantes ingredientes. Servir de seguida com raspa de laranja e um pouco de cebolinho para aromatizar o arroz (este último passo é opcional).

20181125_133038.jpg

20181125_133051.jpg

Lasanha vegetariana (com tofu)

20181014_182118

Esta é uma das receitas que faço aqui em casa à anos e que é sempre muito bem recebida até mesmo pelos verdadeiramente apreciadores de carne.

Não sei porque motivo ainda não a tinha partilhado por aqui mas, como diz o ditado, mais vale tarde do que nunca…

Costumo fazê-la com tofu (trato-o como se fosse um pedaço de carne), mas podem omitir e fazer apenas com os legumes, fica boa na mesma. Para mim, o “truque” de cozinhar o tofu está no tempero que lhe damos, por isso opto muitas vezes por mariná-lo garantido assim que fica bem apetitoso.

Se espreitarem no Instagram do Blog (aqui) poderão ver o passo-a-passo desta receita, nos destaques.

À semelhança do que fiz com a receita de arroz de frango no forno, também partilhei a preparação nos stories e este formato teve bastante aceitação por quem me segue por lá, sendo algo que procurarei fazer mais vezes com toda a certeza.

Vamos à receita?

Ingredientes:

  • azeite
  • 1 cebola roxa picada
  • 2 cenouras raladas
  • 2 dentes de alho picado
  • 200g de queijo ralado + q.b. para a cobertura
  • 100g de cogumelos frescos laminados
  • 3 tomates grosseiramente picados
  • 1 alho-francês fatiado
  • 1 embalagem de folhas de lasanha de massa fresca
  • 200ml de natas
  • 500ml de molho bechamel
  • 250g de tofu fumado (cortado em cubos pequenos e marinado em molho de soja, vinho branco, alho em pó e pimentão vermelho).
  • sal e pimenta a gosto

Modo de Preparo:

  1. Começar por refogar a cebola e alho com azeite até que a cebola fique translúcida.
  2. Juntar o alho francês e deixar que cozinhe até que o alho-francês comece a mirrar.
  3. Juntar o tomate e deixar cozinhar até que o tomate se comece a desfazer.
  4. Temperar com sal e pimenta a gosto.
  5. Juntar os cogumelos, o tofu (com a marinada) e as cenouras, mexer bem e deixar que cozinhe, em lume brando, por 15 a 20 minutos.
  6. Para montar a lasanha, começar por barrar o fundo de uma travessa que possa ir ao forno com um pouco de molho bechamel. Colocar uma folha de lasanha e sobre a mesma colocar um pouco de recheio. Regar com um pouco de molho de bechamel e nata e polvilhar um pouco do queijo ralado.
  7. Repetir o passo 6 até que o recheio termine tendo em mente que a última camada deverá ser de massa e sobre a massa colocar um pouco de molho béchamel, natas e queijo.
  8. Levar ao forno, a 180ºC, até que o queijo derreta e a lasanha obtenha uma cor dourada.